18 de novembro de 2015

Resenha: Sem clima para o amor, de Rachel Gibson

Avaliação: 4/5
Editora: Geração Editorial/Cortesia
Gênero: Chick-Lit/Romance
ISBN: 9788563420671
Publicação: 2006
Páginas: 318
Skoob
Clare é uma mulher nem tão jovem assim que acha que finalmente sua vida vai entrar nos eixos. Ela tem uma carreira promissora (escritora de romances históricos de sucesso), que, embora a mãe desaprove é o que a faz feliz, um noivo que é super carinhoso, compreensivo, que possui muitas coisas em comum com ela e que, acima de tudo, a ama e coloca os sentimentos acima do desejo carnal. 

Com tanta coisa boa nada poderia dar errado na vida de Clare.. até que ela encontra o noivo a traindo no closet com outro homem. Pior: no dia do casamento da melhor amiga dela. Clare então, como toda mulher traída que tem sua vida destroçada, enche a cara e acredita que não dá pra ficar pior. Claro que ela estava enganada, pois a situação sempre pode piorar. E dessa vez não foi diferente. Clare acorda no dia seguinte com uma ressaca enorme, num quarto que não reconhece, nua e com ninguém menos que Sebastian - o filho do jardineiro da casa de sua mãe, quem ela conhece desde criança e quem sempre a irritava. Agora, além de ter de se recuperar do baque de pegar o noivo com outra, terá de aturar Sebastian perto dela.  

Rachel Gibson não perde a mão nunca. Mesmo depois de ler inúmeros romances dela ainda me surpreendo com como ela consegue criar um enredo verossímil e nos entreter com uma narrativa pra lá de gostosa. Narrado em terceira pessoa, a autora nos leva por essa história nos pontos de vista de Sebastian e de Clare - coisa bem comum para o gênero e que funciona muito bem, nos deixando mais próximos dos personagens, fazendo com que nos identifiquemos com eles.

O que me sempre me agrada nos livros da autora e que em Sem clima para o amor não foi diferente, é que, mesmo que a história tenha certa previsibilidade, a autora a desenvolve de uma maneira que torna a leitura deliciosa. Talvez seja a maneira despretensiosa de narrar, ou os personagens que são tão comuns e reais que nos sentimos muito próximos deles, ou talvez seja o realismo do livro. Não sei dizer, mas amo isso nos livros dela. 


Sem clima para o amor é um livro extremamente fácil de mergulhar, que nos encanta, nos diverte e nos faz suspirar. Além disso, é muito bem desenvolvido. A autora sabe desenrolar uma história, sabe fazer o romance fluir naturalmente, fazer a interação do casal ser natural. E é maravilhoso acompanhar o desenlace do romance entre Clare e Sebastian, acompanhar as implicâncias, o flerte, as provocações, e principalmente o amadurecimento deles, como chegam no ponto de se tornar um casal de verdade. 

Além disso, apesar de ser um livro bem "água com açúcar", a autora trouxe um tema um tanto reflexivo que é o preconceito contra escritoras de romances mais quentes. Clare, por ser escritora do gênero, teve que enfrentar reprovações da mãe e da sociedade em geral. Esse é um outro ponto que adorei no livro. 

De maneira geral, esse é um livro leve, que diverte e nos deixa com aquele sorriso bobo durante toda a leitura. É uma história gostosa, romântica, e que, apesar da previsibilidade, consegue surpreender em vários pontos. Aos amantes desse gênero, Rachel Gibson é sempre uma ótima pedida!

Por Larissa Gaigher

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




LAYOUT DESENVOLVIDO POR VIAGENS DE PAPEL – NÃO COPIE, CRIE! – COPYRIGHT © 2015