27 de novembro de 2015

Resenha: Só por hoje e para sempre, de Renato Russo


Avaliação: 5/5
Editora: Companhia das Letras / Cortesia
Gênero: Biografia
ISBN: 9788535926095
Publicação: 2015
Páginas: 168
Skoob
Só por hoje e para sempre, livro publicado pela editora Companhia das Letras, narra o período em que o cantor e compositor Renato Russo ficou internado em uma clínica de reabilitação. Contado em forma de diário, podemos sentir tudo o que o músico sentiu enquanto estava na clínica, suas dores, suas dúvidas e principalmente sua vontade de superar o vício.

Renato decidiu se internar após um longo período usando drogas. Ele usava para se esquecer de sua solidão, para se sentir entorpecido e anestesiado. Trilhou este caminho durante muito tempo, até que viu que pouco a pouco ele foi perdendo seus amigos, além do respeito e admiração do público. Ele se viu no fundo do poço.

Durante o período em que passou na clínica, Renato participava de diversas atividades e dinâmicas que tinham como intuito ajudá-lo a superar o vício. Uma dessas atividades era as Folhas de Eventos Significativos, nas quais os internos relatavam os acontecimentos dos seus dias, e é por meio dessas folhas que podemos conhecer mais sobre tudo o que estava se passando na cabeça do cantor durante a internação.

“De dois meses pra cá, quando cheguei ao “fundo do poço”, a imprensa começou a acompanhar meu caso com o interesse mórbido e sensacionalista próprio dos meios de comunicação de massa, e me dói muito ver meu rosto, nome e vida estampados nos jornais, junto com toda a vergonha e insanidade de meus atos. E tudo tem um fundo de verdade, já que realmente cheguei a perder o controle da minha vida –me sinto péssimo com isso.”
Por meio desses relatos conhecemos toda história por trás dos holofotes, toda a verdade que o público não pôde ver. Fica difícil para quem é fã, assim como eu, ver o quão difícil estava sendo para ele, e o quanto ele se sentiu sozinho em seu caminho. Ele se sentia muito afetado por tudo o que acontecia a sua volta, era como se ele sentisse tudo com muito mais intensidade.

Apesar de o livro tratar de um tema um pouco pesado, como o vício, a leitura não chega a ser pesada. Em todos os seus relatos, podemos sentir que ele tinha muitas esperanças e que estava acreditando em sua recuperação. Por mais que viessem dias difíceis, ele se mantinha otimista e sempre terminava de contar seu dia com algum pensamento positivo e com alguns desenhos que representavam sua esperança em se livrar das drogas.
“É tão maravilhoso isso, você vai adorar, é a sua cara. Só por hoje e para sempre! Vamos ser felizes de novo!”
Quando vi que a editora iria lançar um livro contando um pouco mais sobre a vida do cantor Renato Russo, eu fiquei muito feliz com a notícia. Sempre gostei muito da banda Legião Urbana e poder saber mais sobre a vida de um dos meus cantores favoritos, era uma coisa que eu queria muito.


Em um primeiro momento me senti invadindo o espaço pessoal do cantor, pois os relatos são muito pessoais, mas logo no início fica claro que esse era o desejo de Renato, ele queria que seus relatos fossem lidos pelas pessoas. O prefácio foi escrito por seu filho Giuliano Manfredini, que permitiu que a obra fosse publicada com o intuito de realizar o desejo de seu pai, e já garantiu que outras obras contando mais sobre a vida de Renato serão publicadas futuramente.

Só por hoje e para sempre é um diário sensível e verdadeiro. A leitura é rápida e nos passa uma mensagem muito importante de que não devemos desistir de lutar mesmo quando nosso desejo é desistir. Eu indico muito a leitura e com certeza irei reler futuramente.


Por Tayara Casemiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




LAYOUT DESENVOLVIDO POR VIAGENS DE PAPEL – NÃO COPIE, CRIE! – COPYRIGHT © 2015