5 de fevereiro de 2016

Resenha: A Princesa, o Cafajeste e o Garoto da Fazenda (Star Wars: Uma Nova Esperança #1), de Alexandra Bracken

Avaliação: 5/5
Editora: Seguinte/Cortesia
ISBN: 9788565765770
Gênero: Fantasia/Jovem Adulto
Páginas: 264
Publicação: 2015
Skoob
A Princesa, o Cafajeste e o Garoto da Fazenda, escrito pela autora Alexandra Bracken e publicado no Brasil pela editora Seguinte, é uma novelização de Star Wars: Uma Nova Esperança.  Essa nova “roupagem” para a história clássica se saiu muito bem na missão de recontar a história com uma nova linguagem direcionada para o público juvenil. 

O livro é divido entre em três partes: A Princesa, O Cafajeste, e O Garoto da Fazenda, em cada parte a narração é focada em um desses personagens, nos contando suas visões sobre as situações, a maneira como eles agem, e o porquê de tomarem determinadas atitudes.

Na primeira parte somos apresentados à personagem da Princesa Leia, uma jovem que decidiu lutar ao lado dos rebeldes para derrubar o Império. Logo no início, Leia acaba sendo pega e levada como prisioneira pelo Darth Vader. Sua única esperança é que o droide R2-D2, no qual ela gravou informações preciosas, chegue até Obi-Wan, um famoso Jedi, e assim, usando essas informações, ele possa ajudar a lutar contra o Império.
“Coloquei informações cruciais para a continuidade da Rebelião na memória desta unidade R2. Meu pai vai saber recuperá-las. Você precisa levar este droide em segurança para Alderaan. Este é um momento de grande desespero para nós. Ajude-me, Obi-Wan Kenobi. Você é minha única esperança.”
Com Leia presa nas garras de Darth Vader, somos introduzidos à parte do Cafajeste, que é ninguém mais, ninguém menos do que Han Solo. Depois de presenciar uma pequena confusão no bar, Han Solo vê um ótima oportunidade de ganhar uma grana quando um garoto e um senhor o abordam à procura de um serviço de transporte. Ele aceita o serviço, e se compromete a levá-los até Alderaan. O que ele não sabe é que está prestes a embarcar em uma grande aventura, pois o senhor e o garoto são Obi-Wan e Luke Skywalker, que estão com o R2-D2 e pretendem ajudar a Princesa Leia.
“As palavras que Chewbacca falou em seguida acertaram Han como um soco no estômago: “Não há problema em se preocupar com eles. Eles precisam da nossa ajuda.” 
A última parte é sobre Luke Skywalker (O Garoto da Fazenda). Confesso que quando vi que a parte dele seria a última fiquei um pouco apreensiva, pois no filme ele já é inserido na história logo no início. Mas o caminho que a autora tomou ao colocar a visão de Luke na última parte foi muito bacana e ficou certinho na história, de modo que não senti falta de nada.


O livro segue à risca a história do filme. Lendo, podemos visualizar as cenas e isso me agradou muito. O que diferencia a história é a visão particular de cada personagem, é muito interessante poder saber o que se passa na cabeça de cada um deles.

Pela escrita da autora, fica nítido que ela é fã dos filmes e escreveu esta história com muito carinho. Ela soube trazer uma nova visão para a obra, tornando os personagens, que já são amados, muito mais reais e mais próximos, pois sabendo o que eles pensam, podemos ter uma ligação maior com eles.

Narrado em terceira pessoa com uma edição maravilhosa e cheia de ilustrações lindíssimas, A Princesa, O Cafajeste e o Garoto da Fazenda, é uma linda homenagem ao clássico Star Wars, o livro com certeza merece uma chance!

Por Tayara Casemiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...




LAYOUT DESENVOLVIDO POR VIAGENS DE PAPEL – NÃO COPIE, CRIE! – COPYRIGHT © 2015